Lua-de-mel em Miami

Praia em Miami

Um casal que deseja relaxar na praia durante o dia, e à noite deseja mostrar o bronzeado num dos restaurantes, bares e clubes noturnos, irá amar Miami. Este destino nos Estados Unidos, Florida, é uma oferta de quilómetros de praias de areia, adornada pela maior coleção de arquitetura Art Deco, e uma vida cultural muito interessante. A cultura cubana está muito intrínseca nesta cidade, por isso, a cozinha e os ritmos latinos também.

O que necessitam saber

Devem requerer um autorização ESTA, até 72 horas antes da data da viagem, e ter passaporte eletrónico.

Uma gorjeta entre 15 a 20% é esperada, em todos os serviços, não esquecendo os táxis.

O idioma mais falado é o inglês, mas devido à forte influência latina, o espanhol é quase uma segunda língua, e em todo o lado veem esta língua falada e escrita.

Transporte

Em Miami podem alugar um carro, andar de táxi ou autocarro.

Melhor altura para viajar para Miami

O melhor clima quase que se pode dizer que é o ano todo. Durante o ano as temperaturas andam por volta dos 29ºC, mas de maio a outubro o calor sente-se mais, e as temperaturas sobem para os 32ºC. Os melhores preços para viajar conseguem-se no final da primavera e no início do outono.

Onde comer

Miami pode ser conhecida pelas suas praias e animação, mas nos recentes anos a sua reputação em relação à sua cozinha tem sido crescente. Grande parte desta reputação vem de chefs como Nobu Matsuhisa, Michael Mina e Scott Conant, que abriram restaurantes de grande sucesso nesta cidade.

Se pretendem um restaurante de topo, o restaurante do chef Michael Mina, o Bourbon Steak, é o restaurante mais famoso da cidade. Neste restaurante é necessário marcação que, dependendo da época do ano, pode ter de ser feita com muita antecedência. Podem optar pelo menu servido no bar, que é muito mais acessível do que o jantar na sala do restaurante. Deste calibre têm também o original Escopazzo  ou o oriental Nobu, um dos melhores de sushi.

Se pretendem algo mais dentro do orçamento, optem pelo Puerto Sagua na 700 Collins Ave. em South Beach, onde podem comer uma sanduíche cubana, a qualquer hora do dia até às 2:00 da manhã.   Na Jerry's Famous Deli, na Collins Avenue, Española Way, podem comer até não mais, hambúrgueres, cachorros, sanduíches e pequenos-almoços muito em conta. Outra opção é o S&S Diner, um pequeno pedaço da velha América, com uma decoração de acordo com o passado americano, onde podem apreciar uma taça de chili, sopa de ervilha, e o seu famoso cheeseburger com batatas fritas.

O que fazer em Miami

Hotéis boutiques

O Delano, o Sagamore e o National são os melhores. Se ainda não tiveram oportunidade de ficar num destes locais, então aproveitem a lua-de-mel para o fazerem. Se não ficarem lá, pelo menos visitem-nos. Em Miami Beach existem acomodações modernas que acenam aos viajantes com as suas estéticas ultra modernas, os seus lounges e as suas fabulosas piscinas infinitas. Quer passem a noite ou simplesmente a terminem aqui, vão até um destes espaços, bebam um martíni no seu lobby, e aproveitem para relaxar e ver outras pessoas.

Façam praia

Se existe algo porque Miami é conhecido, é pelas suas praias, e existe uma para todos os gostos, mais movimentadas, mais calmas, mais na moda, por isso, não se esqueçam do protetor solar. O sol de Miami é bem quente e não perdoa os desprotegidos. Desde a North Beach (praia norte) até à glamorosa South Beach (SoBe), encontrarão inúmeros locais divertidos para fazer praia ou até para mais tarde saírem à noite.

Vivam la vida loca

A noite de Miami é a sua estrela, quer gostem de jazz, ritmos latinos ou hip hop, existem inúmeras coisas para fazerem à noite. Muitas das diversões de Miami estão situadas sobre e ao pé da água, por isso, poderão deliciar-se com um cocktail, comer algo, ou sentarem-se debaixo de um toldo de palmeiras a apreciar o som das ondas e, quem sabe, ver o sol nascer no mar.

Visitem os bairros

Passeiem por alguns dos bairros de Miami e será quase como se saíssem dos Estados Unidos. Grandes influências de imigrantes de Cuba, Haiti, Bahamas, África, República Dominicana, Porto-Rico tornam Miami numa das cidades mais multiculturais dos Estados Unidos. Não devem perder os bairros: Little Havana e Little Haiti. Passeiem pelas ruas de Little Havana, perto da baixa da cidade, onde o espanhol e a salsa se ouvem e o ar está impregnado com o delicioso cheiro a chouriço. Little Haiti fica perto do Design District na NE 2nd Avenue entre as ruas 38th e a 42nd, e é o lar de mas 30.000 haitianos. Este local é excelente para fazer compras de artesanato haitiano, entre frutas e flores que têm um toque das caraíbas.

Não percam a arte deco

Não podem perder a arquitetura Art Deco: as formas em zig-zag, as torres quadradas, as cores vibrantes, os fantásticos murais, os blocos de vidro, os motivos marítimos e florais dos edifícios de Miami Beach. Miami tem a maior concentração de edifícios arquitetónicos dos anos 20 e 30 de Arte Deco do mundo. Hoje em dia, o distrito Arte Deco tem mais de 800 edifícios com relevância histórica. Visitem esta zona e sintam como se vivia nos anos 20 e 30.

Apreciem a cultura de Miami

O cenário cultural em Miami é tão quente como a sua praia. O novo Centro de Artes e Espetáculo de Miami (Center for the Performing Arts), casa da grande Ópera de Miami, do Ballet e da Concert Association of Florida, espera tornar-se no centro principal das artes de performance do sul da Florida. Este centro tem recebido inúmeros músicos, artistas, atores da Broadway, e alguns vencedores do prémio Tony nos seus palcos.

Se gostam de galerias de arte, não percam o MDD, também conhecida por Miami Design District. Os amantes de arte contemporânea juntam-se no novo Wynwood Art District para percorrerem as galerias de arte – sendo algumas destas as mais visitadas pelos colecionadores de arte mundiais. Em dezembro, o mundo da arte floresce devido ao famoso espetáculo Art Basel. Padronizado pelo evento suíço mundialmente famoso, Art Basel, a versão de Miami atrai mais de 200 grandes negociadores de arte, exibindo obras de 1.500 artistas do século XX e XXI.

Façam muitas compras

As oportunidades de compras em Miami são muitas, quase que se pode dizer, ilimitadas. Passem um dia na rua Lincoln em South Beach. Este passeio ao ar livre será repleto de inúmeras boutiques e cadeias americanas de roupas e acessórios, bem como dos inumeráveis restaurantes onde podem comer qualquer coisa e recarregar as baterias para mais umas compritas. Não percam também a agitada Ocean Drive, Collins Avenue e Espanola Way.

Visitem Coral Gables

Em Coral Gables, quase que pensarão que estão a chegar a uma cidade perfeita. Esta cidade planeada nos anos 20 por George Merrick, que convenceu o seu tio, o artista Denman Fink, e o arquiteto e paisagista Frank Button a ajudá-lo a construir uma versão nova e mais bonita da cidade de Miami, tendo ido buscar inspiração aos estilos arquitetónicos espanhol e italiano do século XVI. A chamada “cidade formosa” está localizada a alguns quilómetros de Miami downtown. Com telhados em terracota e uma vegetação lindíssima, em Coral Gabes podem ver galerias e teatros, jantar num excelente restaurante que ajudam a dar fama à cozinha do sul da Florida É aqui que monumentos com a Venetian Pool (piscina veneziana esculpida em pedra coral), o clássico Biltmore Hotel e os jardins de Vizcaya se tornaram marcos históricos.

O museu e jardins Vizcaya foram construídos por F. Burrall Hoffman, Diego Suarez e Paul Chalfin para um industrial da agricultura, James Deering, que habitou a propriedade durante os Invernos de 1916 a 1925. Inspirado na construção italiana renascentista, este espaço inclui uma casa principal cheia de arte e de mobílias, e inclui belos jardins de 5 hectares, uma floresta nativa e uma casa histórica. Este espaço tem cursos de água, labirintos, diversas fontes e um casino. Não admira que muitos casais de noivos escolham este espaço para celebrarem o seu casamento.

Artigos relacionados

Campos na Nova Zelândia
País de opostos, a Nova Zelândia reúne o melhor que a Mãe Natureza tem para oferecer, desde montanhas cobertas de neve e...
belize lua-de-mel
Localizado na América Central, em pleno coração das Caraíbas, Belize é um pequeno e agradável país que, para além de oferecer...
Tóquio – Japão
Uma viagem a Tóquio é uma viagem muito diferente, uma mistura de vida moderna com as tradições antigas, desenhos animados manga...
Lua de mel em Nova Iorque
Quer seja a primeira vez que visitam a grande NY ou seja apenas uma das inúmeras vezes que o fizeram, optar por Nova Iorque para...

na galeria

Ferramentas